COMO APOIAR
NOTÍCIAS

Concurso Aldo Baldin premia vencedores

52 inscritos de todo Brasil, 33 selecionados e 3 colocados. A premiação distribuída foi de R$ 5 mil, R$ 3 mil e R$ 2 mil para os três primeiros colocados pelo júri especializado e R$ 1.000,00 pelo júri popular. Os gaúchos dominaram o Concurso Nacional de Canto Aldo Baldin, levando os principais prêmios. Carlos Serapião ficou em primeiro lugar, seguido pela também gaúcha Rosimari Oliveira. O terceiro lugar ficou com o paranaense Hildomar Oliveira. A escolha do júri popular igualmente foi para o Rio Grande do Sul, com a premiação de Cynthia Barcelos, que recebeu também Menção Honrosa do Júri, concedido ainda para a carioca Beatriz Simões. Aos 31 anos de idade, o barítono Carlos Serapião foi premiado em 2013 como Melhor Voz Masculina no VI Concurso Estímulo para Jovens Cantores Líricos de Campinas. Participou de masterclass no Brasil e no exterior. A comissão julgadora foi formada pela soprano Ruth Staerke, premiada no Brasil e exterior; Jamil Maluf, graduado em regência pela Escola Superior de Música de Detmold, da Alemanha é um dos mais atuantes maestros brasileiros; e pelo maestro italiano Alessandro Sangiorgi, formado pelo Conservatório de Milão. Os troféus foram entregues na noite de sexta-feira no Teatro Álvaro de Carvalho, com recital dos premiados. O concurso faz parte da programação do Festival Nacional de Canto Aldo Baldin, promovido pela Pró Música de Florianópolis. Rio Grande do Sul com sete cantores foi o estado com mais participantes. São Paulo e Paraná em segundo com seis selecionados cada um e Rio de Janeiro com cinco. Santa Catarina teve dois cantoresna final. Os outros estados com selecionados são Brasília, Espírito Santo, Pará, Pernambuco e Goiânia.